Rogério Amorim pede soluções mais duradouras para desordem na Zona Sul

A audiência pública acontece às 10h desta quinta-feira (04/05) na Câmara do Rio

Ação de combate ao consumo de crack em Copacabana - Foto: Divulgação/Governo do RJ

O vereador Rogério Amorim (PTB) confirmou para esta quinta-feira (04/05) a realização de mais uma audiência pública sobre desordem urbana. A região a ser discutida neste evento é a Zona Sul da cidade. O tema foi antecipado depois de reportagens recentes mostrando graves casos de desordem em Copacabana e no Largo do Machado, denunciados pelo DIÁRIO DO RIO. O secretário de Ordem Pública, Breno Carnevale, é uma das autoridades convidadas.

O que estamos vendo na Zona Sul é um completo descalabro. A Seop realizou ações, como sempre reativas, após a reportagem, mas eu duvido que tenham trazido mudanças efetivas. Precisamos, juntos, discutir soluções globais. Copacabana é um bairro que arrecada para toda a cidade”, lembra o vereador, presidente da Comissão de Segurança Pública da Câmara.

O fechamento recente do restaurante Azumi, tradicional na Zona Sul e em Copacabana, chamou a atenção do vereador.
Podem haver diversas razões, mas o fato é que a noite de Copacabana esvaziou, com as ruas tomadas por viciados em crack, com o lixo e a desordem. Podemos esperar outros encerramentos de atividades, se as coisas continuarem desse jeito”, diz.

A audiência pública será às 10h, na Câmara do Rio. Foram convidados também o presidente da Comlurb, Flávio Augusto da Silva Lopes, o secretário municipal de Assistência Social Adílson Pires e e o coordenador de Controle Urbano, Elias da Silva Corrêa.

Advertisement

9 COMENTÁRIOS

  1. Também se precisa fiscalizar a ocupação do espaço público. Mesas e cadeiras ocupando quase toda calçada impedindo o trânsito livre de pedestres de ambos os fluxos de lado ao outro obrigando a passar um de cada vez é um absurdo!!!
    E também ambulantes que usam além da calçada até parte de rua e mesmo ciclovia para ocupar com seu carrinho ou barraca de mercadorias de procedência duvidosa.

  2. Importante atuação do parlamentar. Mas tem outros que são um atraso e emperram as medidas que precisam ser tomadas.
    Medição frequente dos decibéis nas áreas com reclamação de poluição sonora a fim de aferir as normas técnicas da ABNT sobre conforto sonoro de acordo com as destinação das áreas, se residencial, comercial ou mista…
    E contra cracudos que promovam desordem e degradam espaços públicos deveria haver internação compulsória.

  3. Os cracudos estão acabando com a cidade do Rio! Roubam tudo e sujam tudo! A cidade está um nojo! O Rio é uma desordem TOTAL! Consequência da ganância dos governantes anteriores e atuais que são fracos e frouxos porque não conseguem controlar às suas más inclinações e destroem a vida de mais de 6 milhões de pessoas. Imorais e incompetentes!

  4. Eu trabalho no Leblon e vou sempre no ônibus 476 meier-leblon…quando o ônibus passa no morro da mangueira por volta das 17:30 entram uma turma de menores e adultos fazendo baderna e fumando maconha.. cheirando..com o ar condicionado do ônibus ligado…um inferno!vão todos para o Leblon para “brincar”..de pegar coisas dos outros.
    Mas a desordem é geral…no bairro de Madureira próximo ao viaduto de Madureira perto da agência do Banco do Brasil..vários bueiros foram roubados..inclusive tampas de cabos de eletricidade que estão expostos..imagine uma chuva forte..O que pode isso ocasionar?
    Cadê os responsáveis?
    Cadê os responsáveis pelas sub-prefeituras?
    Praças sujas…sem luz…ruas sujas..cadê a Comlurb?
    Bagunça geral!

  5. Não é só Copacabana não , a Lapa é um bairro boêmio e é super maltratada , sempre suja , principalmente no fim de semana ( sexta /sábado/domingo ) e a quantidade que vem de turista é absurda , isso sem contar que os bares e restaurantes estão tomando todas as calçadas , muitas vezes a pessoa tem que passar pela rua pq a calçada está com cercadinhos e cheias mesas .

  6. Copacabana carrega essa cidade nas costas, mas a falta de gestão desse prefeito está acabando com a cidade toda. Funcionário público não serve para limpar nada. A Comlurb tem que acabar também e ser terceirizada

  7. muito interessante né o excelentíssimo Sr vereador se preocupar com a zona sul mas ela zona oeste a norte também fazem parte da cidade e pagam imposto tanto quanto e por aqui se vive a maior desorganização e noa vejo essa preocupação por parte do poder público

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui