Candidatos a deputado de Jair Bolsonaro no Rio de Janeiro

Jair Bolsonaro tem muitos candidatos a deputado no Rio de Janeiro, mas quem melhor representa seus ideais são o General Pazuelo e Rodrigo Amorim

Foto: Carolina Antunes/PR

DIÁRIO DO RIO certamente é o veículo que mais cobre a eleição para o legislativo, foram mais de 50 entrevistas. Entendemos que o eleitor tem grande dificuldade para encontrar seu candidato, não por acaso nosso Conselho Editorial fez duas listas: Em quem votar para deputado federal no Rio de Janeiro em 2022 e em quem votar para deputado estadual no Rio de Janeiro em 2022.

Mas há dificuldades maiores, e há aqueles que prefiram votar por temas. Por exemplo, ligado a lideranças políticas, uma das maiores do país, é claro, é o atual presidente Jair Messias Bolsonaro (PL). Por ser presidente e ter seu berço político no Rio de Janeiro, tem vários candidatos tanto para deputado federal, quanto para deputado estadual, diferente de Cesar Maia (PSDB) que tem apenas 2.

Entretanto, não teríamos como colocar todos aqui, achei por bem colocar apenas 1 para cada posição e que represente melhor o bolsonarismo. Para deputado federal, quem melhor que o General Pazuelo 2212 (PL)? Foi seu Ministro da Saúde, amigo, confidente e homem de confiança. Deputado estadual, tem de ser Rodrigo Amorim 14.222 (PTB), amigo pessoal de Daniel Silveira (PTB), é quase um avatar do que representa o bolsonarismo no Rio de Janeiro, sem medo nenhum de críticas ou ataques, sempre defendeu suas posições de forma muito parecida com presidente.

General Pazuelo – 2212 – PL

Ex-ministro da Saúde e homem de confiança do presidente Jair Bolsonaro (PL). O eleitor bolsonarista tem no nome do General Pazuello, sem dúvida, um grande defensor do capitão em Brasília. Apesar de inexperiente na política partidária, Pazuello passou por várias posições no Exército Brasileiro, chegando a ser premiado por suas ações em prol dos refugiados da Venezuela na Amazônia.

É o único ex-ministro de Bolsonaro a concorrer pelo Rio. Com foco na agenda conservadora e apoio ao mandato do presidente Jair Bolsonaro, ele participou da Intervenção Federal do Rio ao lado do candidato a vice-presidente Braga Netto.

Rodrigo Amorim – PTB – 14.222

Rodrigo Amorim (PTB) explodiu para todo o Brasil quando, ao lado do hoje deputado federal Daniel Silveira (PTB), removeu a placa que militantes de esquerda haviam colocado na Cinelândia, tampando a placa original. Isso acabou o levando a ser o deputado estadual mais votado em 2018 no Rio, mas não o limitou ao escopo ideológico: conseguiu aprovar e sancionar mais de 120 projetos, além de milhares de ofícios e indicações legislativas, a maior parte delas relacionada ao tema Segurança Pública. Se tornou o padrinho do programa Segurança Presente em todo o Estado, levando unidades para a Tijuca, Grajaú e localidades na Baixada Fluminense.

Amorim continua ao lado de Daniel Silveira, e tem insistido na candidatura a senador do ex-policial, que está sub-judice. Fez questão até de ter número parecido na urna: é 14222 e o de Daniel é 142 – mesmo número do artigo da Constituição Federal invocado pelos bolsonaristas para pedir a “mediação das Forças Armadas”. É quase um avatar do bolsonarismo na Alerj.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui