Alexandre Campello e Rodolfo Landim, presidentes de Vasco e Flamengo, sentados lado a lado, conversando com Jair Bolsonaro - Foto: Divulgação

Nesta terça-feira (19/05), mesmo dia em que o prefeito Marcelo Crivella disse que os times do Rio ainda não estão autorizados a retornarem às atividades, os presidentes de Flamengo e Vasco, respectivamente Rodolfo Landim e Alexandre Campello, se reuniram com o presidente da República, Jair Bolsonaro, no Distrito Federal, para averiguar a possibilidade de levar os treinamentos das duas equipes para Brasília.

O principal objetivo do encontro foi tratar da viabilidade de que os treinos dos 2 times, durante a pandemia, aconteçam no Estádio Mané Garrincha, na capital federal. Há 3 semanas, o consórcio que administra a arena ofereceu essa oportunidade aos clubes cariocas e à Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj).

Encontro desta terça (19/05) entre os presidentes de Flamengo e Vasco com Jair Bolsonaro, em Brasília – Foto: Divulgação

Um dos principais argumentos para seduzir os clubes é de que, em Brasília, não teriam nem o estado nem o município do Rio como empecilhos para retomarem as atividades. Além do aval de Bolsonaro, a ideia também contra com aprovação do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, que, embora seja torcedor fanático do Rubro-Negro, também tem ótimo relacionamento com a diretoria cruzmaltina.

Vale lembrar que, no último dia 08/05, com aval da Ferj, Flamengo e Vasco já haviam solicitado formalmente ao Poder Público, através de uma carta oficial, o retorno das atividades. O documento, entretanto, não foi assinado por Botafogo e Fluminense.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui